Associação Musical de Évora
Historial
Escola de Música da Sé de Évora
Coro Polifónico
Formação
Programação
Arquivo
Conservatório Regional de Évora
Historial
Educação/Ensino
Cursos
Projeto Educativo
Regulamento Interno
Informações
Horários
Professores
Programação
Notas Musicais
Arquivo
Jul, 10, 21h30- Duo de Acordeão e Fagote com Bailarinos-Música e outras Artes nos Claustros. ÉVORA Imprimir e-mail

Jul, 10, 21h30 - Duo de Acordeão e Fagote com Bailarinos - XXI Ciclo de Concertos "Música e outras Artes nos Claustros"- Convento dos - Convento dos Remédios Évora
mc_acordeo_20.jpgPrograma: Música Clássica : Jesu, Joy of Man ́ s Desiring - J. S. Bach (1685-1750) ; Canon - J. Pachelbel (1653-1706) ; Sarabanda - G. F. Handel (1685 – 1759) ; Ária “Voi che sapete” - W. A. Mozart (1756-1791) ; Dança Húngara n. 6 - J. Brahms (1833-1897); Czardas - V. Monti (1868-1922) ; Música Portuguesa : Canção do Mar - Ferrer Trindade (1917-1999) ; Vejam bem - José Afonso (1929-1987) ; Verdes Anos - Carlos Paredes (1925 – 2004) ; Tango Viejo : El Choclo - Ángel Villoldo (1864-1919) ; La Média Luz - Edgardo Donato (1897-1963) ; Tango Nuevo : Adios Muchachos – Júlio Sanders (1897- 1942) ; Libertango – Astor Piazzolla (1921-1992) ; Melodia em Lá menor – Astor Piazzolla (1921-1992) ; Oblivion – Astor Piazzolla (1921-1992) ; Jacinto Chiclana – Astor Piazzolla (1921-1992) ; Alguien le dice al Tango – Astor Piazzolla (1921-1992) ; Tango pour Claude – Richard Galliano (n. 1950).

A Associação Eborae Mvsica realiza, em Julho, o XXI Ciclo de Concertos "Música e outras Artes nos Claustros uma atividade marcada pela originalidade dado que o seu objetivo é articular a música com diferentes formas de expressão artística, com qualidade artística e relevância cultural.

O Ciclo inicia-se dia 10 de julho, às 21h30 com o Concerto “Duo de Acordeão e Fagote com Bailarinos” por Gonçalo Pescada (Acordeão), Eduardo Sirtori (Fagote) e os bailarinos Fábio Henriques e Rita Ramires.

Chamamos a atenção para o seguinte: a reserva de bilhetes deve ser realizada com antecedência através do e-mail : Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o JavaScript terá de estar activado para que possa visualizar o endereço de email ; se houver lugares remanescentes o bilhete poderá ser adquirido antes do espetáculo; é obrigatório o uso de máscara.



Gonçalo Pescada - Iniciou os estudos musicais aos 8 anos no Algarve e, posteriormente, continuou a sua formação em Lisboa (Instituto Musical Vitorino Matono), Castelo Branco (Escola Superior de Artes Aplicadas) e França (Centre National et International de Musique et Accordéon). Entre outros, obteve o 1o Prémio no Concurso Nacional de Acordeão (Alcobaça, 1995) e o 1o Prémio no Concurso Internacional “Citá di Montese” (Itália, 2004).Com o 1o Prémio no Concurso de Interpretação do Estoril (Portugal, 2006), Gonçalo Pescada viu a sua carreira tomar um rumo internacional, realizando recitais em vários paísesna Europa. Apresentou-se como solista com várias Orquestras sob a direção de vários maestros. Foi convidado a participar em Festivais de enorme prestígio como o 33º Festival de Música do Estoril, Dias da Música em Belém 2008, 30º Festival Internacional de Música da Póvoa de Varzim e 39º Sofia Music Weeks International Festival (Bulgária), apresentando-se em salas incontornáveis. Tem gravado para rádios e televisões, destacando-se a RDP Antena 2, a RTP e a Rádio e Televisão Nacional Búlgara. A sua discografia inclui os CD’s Intuição (a solo), Encontros (Duo com o pianista Ian Mikirtumov), Astor Piazzolla (solista com a Orquestra do Algarve) e Symbiosis (Duo com a violinista Lilia Donkova). Concluiu, em 2014, o programa de Doutoramento em Música e Musicologia na Universidade de Évora sob orientação do Professor, Maestro e Compositor Christopher Bochmann.

Eduardo Sirtori - Natural de Santa Fé, Argentina, Eduardo começou a tocar fagote com a Orquesta Sinfonica de Niños na sua província natal. Aos os 16 anos, estudou em Buenos Aires com vários professores de prestígio e foi membro de várias orquestras de jovens. Em 1997 obteve o título de "Profesor Superior de Fagot". Em 1998, partiu para a Alemanha para se juntar à classe do fagote do Prof. Gustavo Núñez (Orquestra Concertgebow de Amsterdão) no Robert Schumann Hochschule e obteve o diploma com as melhores notas em 2002. Depois de completar os estudos em Dusseldorf, começou seus estudos de pós-graduação com o Prof. Klaus Thunemann no Hans-Eisler Musikhochschule em Berlim.

Durante os anos de estudante, participou ativamente em masterclasses realizadas por alguns dos melhores fagotistas do mundo. Recebeu uma bolsa da UNESCO em 1999 pelo seu trabalho em Música de Câmara e foi convidado a participar num programa de residência no Banff Centre for the Arts em Alberta, Canadá, onde apresentou uma série de concertos e aulas. Recebeu o 1o prémio no concurso Mozarteum Argentino para Música de Câmara, a Fundação Antorchas - Argentina, e do Ministério das Relações Exteriores na Alemanha, na cidade de Bona. Entre 1994 e 1998, foi membro de várias Orquestras de Argentina, Suiça, Alemanha, Espanha.

A sua abertura a todos os tipos de expressão musical permitiu-lhe convites para atuar em géneros muito diversos, como o tango e o jazz, com artistas de renome mundial como Oscar Cacho Tirao (guitarrista original, Piazzolla Quintet), Mercedes Sosa (cantora folk argentina) e Paquito D'Rivera (clarinetista de jazz). Também houve várias obras para fagote escritas e dedicadas a Eduardo Sirtori nos últimos anos, designadamente obras de Walter Heinze, Gordon Lawson e Sergio Azevedo.

Fábio Henriques e Rita Ramires (Bailarinos) - Formados em vários estilos de dança desde 1998, são professores e fazem parte da Direção do Clube de Danças João de Deus. Ensinam tango argentino no Clube desde 2006, tendo feito formação específica em tango argentino com vários professores e principalmente com a Companhia Tango Fantasia de San José, da Costa Rica. Em 2008 foram vencedores de cinco competições da APPDSI, a nível nacional, na secção de tango argentino. Foram vencedores de seis competições da APPDSI a nível nacional na secção de danças de salão modernas. Foram pentacampeões nacionais de profissionais de danças de salão modernas e possuem diploma internacional de professor de danças de salão modernas, incluindo tango standard, pela APPDSI e pela International Dance Teachers Association. Possuem o grau Associate, desde 2010, e grau Licenciate, desde 2015. Têm ainda o diploma grau Associate de professor de danças latino-americanas, desde 2017. Já participaram em espetáculos e festivais de dança, em vários países da Europa, Índia, México e Costa Rica.

Os próximos concertos do Ciclo são : dia 11 Reital de Canto, piano e poesia por José Corvelo, Carla Seixas e Leonor Seixas; dia 18 – duo Almaclara por Luiza Nancu e Beatriz González, violoncelos ; “Spaguetti Fusion” direção e contrabaixo - Ercole de Conca, Sandra Medrios - soprano, Diana Tzonkova - violino, Luis Cascão – Percussão, Carlos Garcia-teclados.

A Organização é da Associação Eborae Musica entidade financiada pelo Ministério da Cultura- DGArtes, com Co-Produção da Câmara Municipal de Évora, e apoio de: Diário do Sul, A Defesa, Antena 2 e Rádio Diana e Registo.

 
Destaques
Próximos Eventos
Agosto 2020 Setembro 2020
Se Te Qu Qu Se Do
1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31
Notícias RSS
Newletter




27055517 Visitas